A Ferrari revelou nesta quarta-feira, 23, a inédita Portofino, que chegará para substituir a California T como modelo de entrada da marca. No Brasil, a California T é vendida por R$ 1,9 milhão.

A Portofino é equipada com movo V8 de 3.8 litros, que entrega 600 cv de potência e 77,5 kgfm de torque, portanto, 40 cv a mais que sua antecessora. Segundo a Ferrari, a novidade faz de 0 a 100 km/h em 3,5 segundo e atinge 320 km/h.

O superesportivo possui teto rígido removível e porta-malas generoso para uma Ferrari. No interior há uma tela de 10,2 polegadas sensível ao toque. O nome escolhido é homenagem a uma pequena cidade na costa da Itália, próxima a Gênova. A estreia da Portofino será no Salão do Automóvel de Frankfurt, no início de setembro.