À venda desde o final do ano passado, a versão de entrada do Fiat Argo com motorização 1.0 não figura no configurador de veículos, mas aparece na área de ofertas para ser encomendada em concessionárias. Em entrevista ao site , o diretor de Marketing da Fiat Chrysler Automóveis (FCA), Adriano Resende, confirmou que “ela existe, mas foi uma opção nossa [da empresa] não divulgá-la no site”.

Sem nome, a versão de R$ 43.990 é equipada com ar-condicionado, direção elétrica, vidros dianteiros e travas das quatro portas com acionamento elétrico e sistema start-stop. Em relação ao Argo Drive 1.0 (R$ 47.790), o modelo de entrada perde a central multimídia Uconnect, o limpador e desembaçador do vidro traseiro, a chave canivete, a pré-disposição para rádio, a regulagem de altura do banco do motorista, o porta-óculos no teto, os detalhes cromados nas saídas do ar-condicionado e os emblemas “Drive” nos para-lamas dianteiros.

O motor é o Firefly 1.0 de três cilindros, que gera 72 cv de potência e 10,4 kgfm de torque quando abastecido com gasolina ou 77 cv e 10,9 kgfm com etanol. O câmbio é manual de cinco marchas.

Fotos Fiat Argo Drive 1.0: Divulgação