Depois de aprovar um investimento para renovar a linha de modelos feitos em Betim (MG) e Córdoba (Argentina), a Fiat Chrysler Automóveis (FCA) deu sinal verde para o desenvolvimento de uma nova picape compacta baseada no Mobi. Segundo o jornalista Marlos Ney Vidal, do site , o modelo deverá ser apresentado na forma de conceito no Salão do Automóvel de São Paulo, em novembro. O lançamento está previsto para 2019.

Chamada internamente de Projeto XP1, a picape será construída a partir da plataforma 327, uma versão encurtada da estrutura do Uno. Ela utilizará a base do Mobi na dianteira e a estrutura do Fiorino na parte traseira. As configurações ainda não foram definidas, mas está praticamente confirmado que a picapinha terá opções de cabine simples e estendida.

De acordo com o Autos Segredos, os protótipos da picape Mobi devem iniciar os testes de rodagem nos próximos meses. O modelo deverá ter o visual levemente retocado na dianteira para se diferenciar do próprio Mobi. A projeção do designer dá uma ideia de como o modelo pode ficar.

A motorização prevista para a picape é a Firefly 1.3, que rende até 109 cv de potência e 14,2 kgfm de torque com etanol. O câmbio será manual de cinco marchas, mas o automatizado GSR não está descartado. Assim como também não está descartada a oferta do motor Firefly 1.0 de três cilindros (até 77 cv e 10,9 kgfm) em versões mais básicas.

Projeção:
Fonte: