O Mustang finalmente desembarcou no mercado nacional. Ele foi lançado recentemente e já acumula pedidos nas concessionárias Ford. O mito norte-americano chegou às lojas na metade de 1964 e, desde então, se tornou uma lenda nas ruas e nas pistas, com diferentes opções de estilo e motorização.

Mas uma versão, em especial, está eternizada na mente de todos os fãs de velocidade. Em 1968 o filme Bullitt criou um desejo de consumo em todo gearhead. O Mustang verde-musgo sem nenhum logotipo Ford e carroceria fastback passou a alimentar o imaginário de pessoas no mundo todo.

Recentemente, a marca relançou essa versão em uma série limitada. Isso ocorreu em outras duas gerações. Reunimos um exemplar da quarta geração, bastante rara por aqui, e um clássico de 1967 para contar essa história em detalhes.

Renato Bellote é jornalista automotivo em São Paulo, redator da Revista Driver e editor-chefe da Garagem do Bellote TV. Sua paixão por carros começou no dia em que saiu da maternidade a bordo de um Dodge Charger R/T. ()