O Porsche Cayenne recentemente ganhou uma nova geração na Europa e, certamente, ela virá para o Brasil em algum momento. Porém, enquanto a novidade não desemboca em solo brasileiro, o Belta-diet.info teve a oportunidade de avaliar o atual Cayenne na configuração S E-Hybrid.

Há quase dois anos, o Belta-diet.info avaliou a configuração GTS, que esbanja desempenho esportivo. Agora é a vez da variante que mais se preocupa com o meio ambiente.

Falar do luxo e requinte de um Porsche é chover no molhado, por isso vamos focar nos diferenciais do modelo híbrido. O Cayenne S E-Hybrid chegou ao Brasil em janeiro de 2017 com etiqueta de R$ 432 mil e, atualmente, custa R$ 420 mil. Sendo assim, ele só não é o mais barato da linha Cayenne por conta da configuração Platinum Edition que custa R$ 389 mil.

A primeira impressão ao entrar na cabine do Cayenne híbrido é de que o interior já demonstra sinais de necessidade da troca de geração. Enquanto os principais concorrentes já ostentam grandes telas multimídia que comandam quase tudo no carro, o Cayenne ainda se vale de diversos botões no console central para comandar as opções do ar-condicionado de duas zonas, os modos de direção e a suspensão adaptativa. Veja detalhes na galeria de fotos acima.

Em termos de motorização, o Cayenne S E-Hybrid é equipado com um propulsor V6 3.0 Turbo que entrega 333 cavalos de potência e 44,9 kgfm de torque, enquanto o sistema elétrico fornece mais 95 cv e 31,6 kgfm. Juntos, os propulsores entregam potência combinada de 416 cv e 60,2 kgfm de torque. Esse conjunto, aliado à  transmissão automática Tiptronic de 8 velocidades garante excelente desempenho para o SUV de 2.350 quilos. Prova disso é que o modelo é capaz de acelerar de 0 a 100 km/h em apenas 6 segundos, conforme os testes do.

No entanto, o que mais chama a atenção são os números de consumo desse SUV. De acordo com a Porsche, o Cayenne é capaz de fazer até 29,4 km/l no modo combinado (utilizando o motor V6 e o elétrico). No modo E-Power, ou seja, requisitando apenas o propulsor 100% elétrico, o SUV faz até 20,8 kWh/100 km, ou seja, 44,5 km/l segundo a norma EPA (Enviromental Protection Agency). Ainda rodando no modo E-Power a autonomia é de 36 quilômetros e a velocidade máxima pode chegar até os 125 km/h e se manter assim por 18 km.

Vale ressaltar que a forma de condução do motorista influencia diretamente nas respostas do Cayenne. Quando rodando no modo E-Power, se o condutor pressionar o acelerador de forma moderada, o carro aciona apenas o motor elétrico, privilegiando a economia de combustível. Já com uma tocada mais forte, o V6 começa a roncar para garantir mais esportividade. O motorista pode saber em que modo o carro está atuando, pois o nome da função utilizada no momento é exibida no painel.

Ainda falando no modo elétrico, o sistema E-Charge garante que a força do motor ou dos freios regenerativos recarreguem a bateria. Sendo assim, aqueles 36 km de autonomia podem se estender sempre que necessário. Aliás, o funcionamento desse sistema é mostrado por uma espécie de fluxômetro, que revela de onde está saindo a força para as rodas (motor a combustão ou elétrico) ou se está indo das rodas e motor a combustão para a bateria.

Como todo híbrido plug-in, o Cayenne pode ser recarregado na tomada. Utilizando uma tomada de 220 V são necessárias 5 horas de carga, enquanto nas 110 V o tempo dobra.

Tão confortável e luxuoso quanto qualquer Cayenne, a configuração híbrida custa menos que a maioria das versões a gasolina e ainda é mais econômica. Portanto, um grande benefício para quem possui R$ 420 mil para levar o SUV alemão para casa.

Ficha técnica

Modelo
Porsche Cayenne S E-Hybrid
PreçoR$ 420.00
Motordianteiro, longitudinal, seis cilindros em V, 24 válvulas, injeção direta, biturbo, intercooler, a gasolina associado a um motor elétrico
Cilindrada (cm³)2.995
Potência 333 cv a 5.500 rpm
95 cv a 1 rpm (motor elétrico)
Associados: 416 cv
Torque61,1 kgfm entre 1.600 e 5.000 rpm
31,6 kgfm a 1 rpm (motor elétrico)
Associados: 60,2 kgfm
Freios dianteirosDiscos ventilados de 330 mm com ABS e EBD
Freios traseirosDiscos ventilados de 360 mm com ABS e EBD
Suspensão dianteiraIndependente, McPherson, molas helicoidais, barra estabilizadora e amortecedores a gás
Suspensão traseiraIndependente, Multi-link, molas helicoidais, barra estabilizadora e amortecedores a gás
RodasLiga leve de 21 polegadas
DireçãoHidráulica
Peso em ordem de marcha (kg)2.350
Comprimento (metros)4,85
Largura (m)1,95
Altura (m)1,70
Distância entre-eixos (m)2,89
Tanque (litros)80
Porta-malas (litros)580
TransmissãoAutomática de oito velocidades
TraçãoIntegral
Aceleração de 0 a 100 km/h5,1 segundos
Velocidade máxima243 km/h