Image

Novo Porsche Cayenne estreia no Brasil entre R$ 423 mil e R$ 733 mil

14

ago
2018

A Porsche lançou, nesta terça-feira (14), a terceira geração do SUV Cayenne no mercado brasileiro. O modelo chega em três versões a gasolina com preços variando entre R$ 423 mil e R$ 733 mil.

A configuração de entrada (R$ 423 mil), chamada apenas de Cayenne, é equipada com o motor 3.0 V6 turbo de 345 cv de potência entre 5.300 e 6.400 rpm (41 cv a mais que a geração anterior) e torque máximo de 45,7 kgfm entre 1.340 e 5.300 rpm. O SUV acelera de 0 a 100 km/h em 5,9 segundos e atinge a velocidade máxima de 245 km/h. A transmissão automática de oito velocidades é padrão em todas as versões.

A versão intermediária S (R$ 523 mil) é movida por um V6 biturbo de 2.9 litros, que gera 446 cv (20 cv a mais que a geração anterior) entre 5.700 e 6.400 rpm e 55,8 kgfm de torque. Nessa configuração, o Cayenne leva 4,9 segundos para acelerar até os 100 km/h e pode atingir os 265 km/h de velocidade final.

Por fim, variante topo de linha Turbo (R$ 733 mil) leva sob o capô um V8 de 4.0 litros biturbo de 550 cv de potência (30 cv a mais) entre 5.750 e 6.000 rpm e 78,2 kgfm de torque entre 1.960 e 4.500 rpm. A versão mais nervosa do SUV leva apenas 3,9 segundos para atingir os 100 km/h e chega aos 286 km/h de velocidade máxima.

Construído sobre a nova plataforma modular MLB Evo do Grupo Volkswagen (a mesma dos modelos Audi Q7, Bentley Bentayga, Lamborghini Urus e Volkswagen Touareg), o Cayenne está 6 centímetros maior no comprimento e 3 cm mais largo. O porta-malas teve um ganho de 100 litros na capacidade. A carroceria feita em alumínio reduziu o peso do SUV em 135 kg em relação à geração anterior, ficando pouco acima das duas toneladas na versão S. A versão de entrada perdeu 55 kg, atingindo os 1.985 kg de peso em ordem de marcha.

Apesar da vocação para o asfalto, o Cayenne recebeu melhorias na capacidade off-road. O SUV conta com diferentes modos de condução em terrenos acidentados. Para andar na terra, o Cayenne pode bloquear individualmente cada roda ou eixo, enviando a força do motor para o eixo que com maior aderência.

Outra novidade no novo Cayenne é o eixo traseiro dinâmico, capaz de esterçar as rodas traseiras para facilitar manobras de estacionamento ou aumentar a precisão do carro em curvas de alta velocidade. O recurso está disponível como opcional, assim como o controle dinâmico de chassis, entre outras tecnologias.

Por dentro, o SUV alemão também foi repaginado e ficou mais minimalista. Se na geração anterior a cabine ostentava diversos botões, agora o Cayenne conta apenas com duas telas de 7 polegadas e central multimídia de 12,3 polegadas, além do console central também ter comandos sensíveis ao toque.

Em termos de sistemas de auxílio à condução, o SUV traz câmera de visão noturna, aviso de mudança de faixa, assistente de manutenção de faixa, reconhecimento de sinais de trânsito, assistência de engarrafamento e controle de cruzeiro adaptativo – a maioria oferecida entre os opcionais. 

Outro diferencial é que a nova geração do Cayenne passa a utilizar pneus com medidas diferentes na traseira e dianteira, como acontece no esportivo 911. No Brasil, as versões oferecidas usam rodas de 20 ou 21 polegadas.

Imagens: Divulgação

Sobre o autor

Jornalista e palmeirense, Renan Rodrigues de Oliveira, em alusão ao colega de profissão Nelson, prefere usar o primeiro sobrenome. Versátil, Renan fotografa, filma, ilustra, edita vídeo e áudio e se arrisca nas redes sociais. Acompanha em cima os lançamentos do mundo automotivo, prefere os compactos com vocação esportiva, mas pilota até carrinho de mão, se necessário.
Был найден мной интересный web-сайт со статьями про пилинг киев https://botoxclub.com.ua
www.np.com.ua

Наш важный блог про направление Тестогед Е https://farm-pump-ua.com/testoged-e.html