Image

Hyundai Venue surge dia 17 para provar que SUV virou obrigação

08

abr
2019

Prestes a ser revelado, o Hyundai Venue — compacto posicionado abaixo do Creta (no Brasil) e do Kona (nos Estados Unidos) — é um símbolo perfeito da nova ordem mundial da indústria automotiva: você pode ter o carro que quiser, desde que seja um SUV. O Venue deve ter cerca de 4 metros de comprimento, tamanho que o coloca em rota de colisão com o Ford EcoSport, entre outros, e permite o uso de um motor 1.0 de 3 cilindros (este, sobrealimentado; deve haver outro com 4 cilindros e aspirado).

A apresentação do Venue será feita simultaneamente no Salão de Nova York e na Índia, no próximo dia 17 — um arranjo de mercado maduro e mercado emergente que não deixa dúvidas sobre o caráter global do modelo. O teaser para os EUA inclui uma descrição do público-alvo: “empreendedores urbanos”.

Outro sinal de que a onda SUV é avassaladora: alguns analistas americanos consideram que o Venue cumprirá o papel do extinto Accent hatch. Como os dois-volumes são em geral desprezados nos EUA, e como a Hyundai certamente não rasga dinheiro, a conclusão é: não importa o tamanho (sempre limitado num hatch), e sim a proposta.

Num eventual lançamento no Brasil, o Venue rivalizaria com o já citado EcoSport e, num futuro mais distante, encararia o SUV compacto provisoriamente conhecido como Taigun.

Nos últimos dias, novas imagens do Venue apareceram na mídia indiana, que monitora o suvinho com muita expectativa. Nos EUA, quase não se fala no assunto. Veja as fotos na galeria; abaixo, o que já se sabe sobre o Venue:

– Terá 4 metros de comprimento, no máximo
– Nos EUA, usará a plataforma do Kona (inédito no Brasil)
– Na Índia está confirmado um motor 1.0 turbo 3-cilindros
– Como no Kona, os faróis são incrustados no parachoque
– Lanternas traseiras lembram as do VW Gol e fogem do padrão horizontal da Hyundai
– Na Índia, vendas devem começar em maio
– Venue significa “local”, no sentido de lugar onde algo (show, evento) é realizado

Imagens: reprodução 

Top