Image

Tesla sobe preço online do Model 3, mas agora parcela em até 72 vezes

15

abr
2019

Em sua mais recente auto-sabotagem comercial, a Tesla — fabricante californiana de carros elétricos — aumentou o preço online do Model 3 básico, seu veículo de entrada, para US$ 39.500. Agora, quem quiser pagar os US$ 35.000 alardeados anteriormente terá de comprar o carro numa loja (aliás, a Tesla anunciou que fecharia todas as lojas físicas, mas voltou atrás) ou… pelo telefone.

Ao mesmo tempo, a Tesla finalmente passou a oferecer duas opções de financiamento para toda sua gama. Após dar uma entrada (entre US$ 2.500 e US$ 5.000), o cliente escolhe entre pagar prestações mensais até a quitação — quando o carro passa a ser dele — ou contratar um leasing, espécie de empréstimo do carro por um período de 36 meses.

No segundo caso, a Tesla decidiu proibir os clientes de pagarem o saldo ao final do lease e ficar com o carro — o que é praxe no mercado automotivo dos Estados Unidos.

Em vez disso, ela quer os carros de volta para serem adaptados à condução autônoma e usados em frotas de táxis sem motoristas, a serem operadas pela própra Tesla ou alguma empresa de rideshare associada a ela.

Esse plano faz sentido quando se considera a mais recente polêmica em que Elon Musk, CEO da empresa, se meteu: num podcast sobre inteligência artificial divulgado na última sexta-feira (12), disse que a Tesla está “muito à frente” de suas competidoras no que se refere à condução autônoma, e que já no final deste ano, ou no começo de 2020, os carros da marca serão mais seguros sem “intervenção humana” na condução.

Por ora, veja como um cliente americano :

– À VISTA
US$ 39.500 (US$ 35.000 na loja ou por fone)
Depósito de US$ 2.500 no ato da reserva

– FINANCIAMENTO
US$ 45.536
US$ 5.000 de entrada
72 prestações de US$ 563
Depósito de US$ 2.500 no ato da reserva

– LEASE (3 anos)
US$ 18.144
US$ 3.000 de entrada
36 prestações de US$ 504
Depósito de US$ 2.500 no ato da reserva
Limite de 10.000 milhas por ano

Imagem: divulgação

Top