Image

Motos são proibidas de rodar na pista expressa da Marginal Pinheiros

20

mai
2019

A partir desta segunda-feira (20) está proibida a circulação de motocicletas na pista expressa da Marginal Pinheiros, em São Paulo, no sentido Castelo Branco. A medida foi anunciada pela Secretaria Municipal de Mobilidade e Transportes (SMT) e a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET).

Para orientar os motociclistas desavisados, durante os primeiros 30 dias haverá um período de adequação, sem aplicação de multas. Após esse prazo, os motociclistas que desrespeitarem a regulamentação serão autuados por cometerem uma infração de gravidade média, com 4 pontos na CNH e multa no valor de R$ 130,16.

Motociclistas que desrespeitarem a regra estão sujeitos a uma infração de gravidade média, com 4 pontos na CNH e multa no valor de R$ 130,16

De acordo com a SMT, a medida tem como objetivo o resguardo à vida e a proteção dos motociclistas, uma vez que a regulamentação da velocidade máxima permitida na pista local varia entre 50 e 60 km/h. Já na pista expressa, a velocidade regulamentada é de 90 km/h para veículos leves.

 “Onde a velocidade é maior, quem está em uma moto fica mais vulnerável”, explica o secretário municipal de Mobilidade e Transportes, Edson Caram. “Além disso, a pista expressa da Marginal é uma via de trânsito rápido, com tráfego intenso. Por isso, para preservar a segurança dos motociclistas, a circulação desses veículos deve ocorrer somente na pista local.”

Segundo a CET, o corredor da Marginal Pinheiros contabilizou, em 2018, dez acidentes fatais envolvendo motos. Dados da Companhia também apontam alta de 17,7% no número de motociclistas mortos no trânsito paulistano, de 2017 (311 fatalidades) para 2018 (366).

Imagens: Divulgação